domingo, 25 de fevereiro de 2018

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Campanha consciente - menos dó, mais atitude!

Todo mundo pode fazer algo para ajudar.
Doar sem castrar é perpetuar o ciclo do abandono.
Doe com responsabilidade!
 Embora a castração seja muito discutida, filosoficamente falando, ainda é a única maneira de ajudar a diminuir o abandono e maus tratos, 
pois não há lares para tantos.


quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Dica que SALVA VIDAS - você mora sozinho?


Acho interessante compartilhar esta dica. Muita gente se esquece da própria finitude e que os animais não falam a nossa lingua. Assim, não podem pedir ajuda. Casos em que as pessoas morrem em casa ou não retornam, enchem nosso cotidiano de aflição. O mesmo vale para quem passeia com seu animal, sem identificação. Quem tem filhos e animais (que são como filhos, para mim) precisa se preocupar com o bem estar deles. Esta dica, volto a salientar :  SALVA VIDAS! 


terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Texto para pessoas sem noção.


A leitura é interessante, mais uma pérola do facebook, para reflexão. Muita gente vai se identificar, dos dois lados. 
Valeu Tília!


"Aqui estou eu como um papagaio repetindo o que falo faz tempo: Gente, estou farta! 
As pessoas estão cada vez mais infantis, mentalmente atrasadas ou sou eu quem está cada vez mais insuportável? Certamente todas as alternativas estão corretas! 
Adotar um animal requer responsabilidade, gastos, desapego, etc, etc, etc.
Quer um animal mas "não pode castrar";  quer um animal mas irá dar ração comprada a granel (por ser mais em conta); quer um animal mas torna- se dependente do protetor até para dar um vermífugo? 
Quer um animal mas precisa de um vet que atenda " de graça"... O que acontece com vocês? 
Esqueceram o cérebro na gaveta? 
Outro dia recebi uma mensagem de uma criatura que havia comprado um gato persa, mas precisava de teste de fiv/ felv " barato" . Então eu respondo : NÃO EXISTE! 
O veterinário pode até dar um desconto, mas ele também tem contas para pagar como qualquer outro ser humano normal . Nós, protetores, nos esforçamos ao máximo para oferecer tratamento de qualidade a nossos protegidos.

 Isso tem nome : esforço & responsabilidade! 
Fazemos rifa, campanhas, abrimos mão de coisas para nós , justamente para prestar assistência a um ser que está na rua . Não temos patrocínio de Royal Canin, de laboratório, de clínicas , de nada. Corremos atrás! E tudo o que pedimos é que o tutor se responsabilize por seu animal. Que dêem continuidade ao trabalho que já foi iniciado por nós. 
Por favor, não ferrem com nossa luta! Cresçam, pessoas! Acordem ou deixem de ser folgados ! ASSUMAM suas responsabilidades, pois não existe " Bolsa cão-gato"! 


Eu teria vergonha de pedir ajuda a um protetor,  possuindo um celular de última geração. Isso chama-se egoísmo e falta de vergonha na cara! Sugiro a todos que não queiram abrir a carteira para bancar as despesas de seu próprio animal que não tenham. Nem comprem ou  adotem! Deixem o animal esperando a sorte de um dono melhor .
Para finalizar : não esperem respostas educadas minhas quando me escreverem bobagens ok? Obrigada, de nada.  Tília Fernanda