segunda-feira, 9 de maio de 2016

Eba! Chantilly adotada!

Esta foto ao lado eu recebi da Karina Rosa Braga, pedindo ajuda para essa mocinha. Ela estava nas mãos de um drogado, sendo vendida num bar. Foi "comprada" por R$50,00.
Cães de raça e  mestiços de raça estão invadindo as ruas, aumentando os abandonos, que antes eram apenas dos SRD. 
Isso porque todo mundo quer um "filhotinhodeportepequenopeludinho" e, quando eles crescem, ou começam a apresentar os problemas específicos das raças, as pessoas desistem do brinquedinho. Tá cheio de gente assim no mundo, infelizmente. Por sorte, tem quem os ajude. Como Karina tem muitos animais, resolvi assumir a fofa. Apesar de muita gente querer cães assim, eu demoro um monte para doá-los pois procuro achar alguém que tenha condições de cuidar, além de amor no coração. Nem sempre essas duas qualidades andam juntas.
Ter R$ não garante o amor, da mesma forma que ter muito amor não garante cuidados necessários. 
Manter cães de raça está custando caro, infelizmente. 
Daí complica na hora de selecionar quem vai adotar BEM um anjo com asas nas orelhas. Ela ficou o primeiro mês aqui no meu apto e, em dezembro, foi para uma ho$pedagem pois recebi duas filhotinhas sem vacinas, retiradas de maus tratos, que precisavam mais de mim.
Chantilly foi adotada em abril, por uma adotante de 2 cães meus, de anos atrás. Um morreu de câncer em 2014 e outra de velhice, em 2015 (essa ela adotou já idosa). Quando Sabrina me mandou mensagem dizendo que poderia adotar outra cadelinha, nem hesitei e mandei a foto dela. Imagina se ela não iria gostar? Hoje estão mais grudadas que nunca e, segundo a Sabrina, parece que sempre foram uma da outra. Agora ela dorme com sua nova mamãe e está muito, muito mimada! Adorei. Não está linda?