terça-feira, 20 de outubro de 2015

CASTRAÇÃO PEDIÁTRICA - mitos e verdades

Texto de médicos veterinários sobre

Abaixo, um texto de Angela Poliana Silva. Na verdade um desabafo, diante do caos animal de Florianópolis. Ninhadas e mais ninhadas abandonadas TODOS os dias e protetores com hiper lotações. 
Mas muito importante é ter um bom médico veterinário para fazer qualquer cirurgia no seu pet, precoce ou não. Prefira especialistas conforme a necessidade; isso é mais importante que a idade. 
Boa LEItura -  a única LEI que ajuda a todos!

"CASTRAÇÃO PEDIÁTRICA sim, mais uma vez... (Angela Poliana Silva)
Há quase 30 anos foi criada uma técnica para que a cirurgia de castração fosse menos invasiva, com recuperação mais rápida e que poderia ser realizada em filhotes com 60 dias de vida.
Essa técnica já é usada nos grandes países da Europa e América do Norte há décadas e felizmente no Brasil temos vários veterinários que fizeram ESPECIALIZAÇÃO e estão aptos a realizar o procedimento. Veterinário oftalmologista faz especialização. Veterinário ortopedista faz especialização.
Castração pediátrica TAMBÉM precisa de especialização. Por isso tem um monte de veterinário que não concorda com a técnica e que ficam empurrando a cirurgia para os 6 meses de vida do animal, cobram R$700,00 na cirurgia e fazem um corte de meio metro de comprimento na barriga do bicho.
Existem estudos de organizações internacionais afirmando e comprovando com dados a eficácia dessa técnica. Pode morrer filhote na cirurgia? Claro que pode. Assim como pode morrer adulto.
Mas é porque é UMA CIRURGIA, não pela idade do animal.
Esse povo que fica falando que o animal não se desenvolve nunca se deu o trabalho de pesquisar sobre isso (em fontes especializadas), nunca castrou filhote, mas bate o pé que o bicho não se desenvolve. Você, que não tá nem aí pra pesquisar sobre o assunto, mas é contra castrar filhotes, faça vários cartazes e vá pra frente de um hospital fazer muvuca exigindo que nenhum médico opere um bebê, porque a lógica é a mesma! A medicina EVOLUIU. Hoje em dia é possível fazer cirurgia em fetos, dentro da barriga da mãe, mas a medicina veterinária não pode evoluir? Tem que ficar sempre no mesmo pensamento e técnicas atrasados?
Não escolha ser ignorante! Informe-se! Se depois você OPTAR pela castração a partir de 6 meses, 1 ano, 10 anos, tudo bem. É um direito seu. Mas não saia por aí falando coisas absurdas sobre algo que você não sabe."