sábado, 18 de outubro de 2014

Sobre BAÇO dos cães

Desde que a Serafina precisou restirar o BAÇO eu fiquei de escrever sobre esse órgão específico. Achei o texto abaixo bem explicativo. O que me fez investigar alguma doença na minha cadelinha foi a mudança na saúde geral dela, no último ano. Problemas de pele, que ela nunca teve, e uma urina escura demais, comparada com a dos outros cães, e com cheiro mais forte. Já foi realizada a  biópsia do baço e tumor retirado e era BENIGNO, ufa! Agora Serafina está maravilhosa de tudo e eu muito feliz.
 
Quem quiser ver foto baço retirado ou ler a matéria anterior, é só acessar AQUILembrem-se de fazer ultrassom anual em cães com mais de 6 anos para evitar problemas crônicos. Boa leitura:
 

"O baço é um órgão localizado ao lado do estômago. Apesar de não ser considerado essencial para a vida, ele realiza muitas funções diferentes e importantes. Os problemas mais comuns associados a este órgão são torção esplênica, a presença de tumores e seu potencial para hemorragias.



Função

O baço é responsável por várias funções. Ele armazena glóbulos vermelhos e plaquetas e atua como um filtro, eliminando as bactérias, proteínas estranhas e glóbulos velhos da circulação. Ele produz novas células sanguíneas e tem seu papel no sistema imunológico.
Torção esplênicaTorção esplênica é uma condição potencialmente fatal que ocorre em cães de porte grande, com peitoral profundo, causando inchaço. Neste caso, o baço aumenta (esplenomegalia), porque os seus vasos sanguíneos se torcem, e o órgão se "entope" com sangue.

Massas

De acordo com Marvistavet, os crescimentos mais comuns que afetam o baço são hemangiomas benignos ou hemangiossarcomas malignos. Neste último caso, as células sanguíneas anormais se reproduzem a uma  velocidade inacreditável. Isso faz com que o câncer se espalhe rapidamente para outros órgãos.

Hemorragia

Hemorragia no baço pode ocorrer devido a um trauma ou a partir de uma ruptura de tumor. Isto pode causar hemorragia grave, que pode rapidamente se agravar levando a um estado de risco de morte. Os cães afetados irão apresentar gengivas pálidas. Eles vão se tornar frios e fracos. No entanto, se o sangramento parar espontaneamente, o cão pode se recuperar em poucas horas.

Sintomas

Distúrbios do baço podem produzir sintomas específicos em cães. Os mais comumente observados são: urina marrom escuro avermelhada (sugerindo uma torção esplênica), gengivas pálidas e letargia (sugerindo uma hemorragia), um abdômen distendido, e/ou a sensação de uma massa no baço durante palpação da região abdominal (sugerindo a presença de um tumor).

Tratamento

O tratamento varia de acordo com as causas de desordens do baço. Cães afetados por tumores malignos exigem frequentemente a remoção do baço (esplenectomia) e quimioterapia. Cães afetados por torção esplênica necessitam de hidratação e estabilização. Finalmente, os cães com hemorragia esplênica podem precisar de transfusão de sangue.
Fonte: http://www.ehow.com.br/problemas-baco-caes-fatos_4426/"