sábado, 30 de novembro de 2013

Como ajudar

O cartaz abaixo, de autoria de  Lilian Rockenbach já está no BLOG mas, para esta época, vale divulgar, de novo. O de baixo não tem assinatura...






quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Dezembro nem começou

E não ando tendo tempo para escrever. Não é falta de notícias, mas sim, muitos compromissos com cães, tarefas de casa/família e amigos que, as vezes, precisam de nós e ofertamos nosso tempo. É fim de ano para todos! Falando nisso já começou a ladainha de mensagens e emails perguntando onde podem deixar os animais.  O famoso "local" para deixarem, na maioria cães,  até serem adotados pois "vamos nos mudar", "viajar" etc
As pessoas, ou não leem ou se fazem de desentendidas. Não é possível que não saibam COMO funciona este voluntariado. 
Ontem uma moça me explicou as despesas que teve com um cão e se eu poderia pagar. Sou banco, por acaso? Tenho os meus animais que, este ano, gastaram por 100 (gastos que pretendo postar aqui). Foi um ano de despesas inesperadas e enormes com meus cães de casa (meu Nemo quase morreu) e também com meus protegidos! De qualquer maneira,  a gente ajuda quem a gente conhece, não é óbvio? Bem, estou guardando os assuntos para escrever com calma, alinhavados sempre com muito carinho! Continuem acompanhando o BLOG, ok? Porque, se continuar como está, logo logo darei um tempo do Facebook, de novo.

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Contagem regressiva...

Há 1 mês do Natal ( já?) preparei um cartão de um postal que eu comprei quando era criança, o que o torna, praticamente, uma antiguidade. 
O encontrei numa das faxinas de fim de ano. Não é fofo?

sábado, 23 de novembro de 2013

Golfinhos, porcos etc

Direto da Página do Facebook Vegetarianos AMAM mais, pela relevância da matéria. Em todo o mundo há cientistas interessados na libertação animal que se deparam com as indústrias e os interesses financeiros para "deixar tudo como está" mas mudanças têm que ocorrer, pelo bem do planeta e também dos humanos. Nossa maneira de nos comportar precisa mudar e evoluir. Se os animais falassem, talvez tivessem alguma chance. Falamos por eles. Eles conseguem nos entender. Por que para nós é tão difícil? Todos podemos mudar! Por amor, por respeito, por compaixão!



Cientistas do mundo inteiro já sabem que porcos também se reconhecem em espelhos e que,  na verdade, TODOS os animais são sencientes e conscientes do mundo ao seu redor. DESPERTE!!! Não explore, não mate e não coma animais 
 Cientistas querem classificar os golfinhos como “pessoas não-humanas” por sua grande inteligência e Na índia, Ministro do Ambiente proibiu que os golfinhos fossem mantidos em cativeiro e usados em qualquer espectáculo no país, onde eles já foram declarados como pessoas não-humanas.


Leia 


Os golfinhos são tão inteligentes que devemos encará-los como pessoas não-humanas, é o que reivindica um projeto de lei.

Uma coalizão de cientistas, filósofos e grupos dos direitos dos animais estão declarando, oficialmente, que os golfinhos não podem ser classificados como simples criaturas. Um dos tópicos do projeto é impedir que eles sejam mantidos em cativeiro em parques aquáticos e severas leis contra pescadores que os atacarem.

As chamadas “baleias” assassinas também seriam classificadas da mesma forma, já que elas são golfinhos e não baleias, como boa parte da população pensa.

Outro fator importante é que as baleias também entrariam nesta lista, o que oficialmente transformaria os pescadores baleeiros em assassinos, de acordo com a Associação Americana para o Avanço da Ciência, na conferência anual que ocorreu em Vancouver, Canadá. Grandes empresas como as petrolíferas teriam que ter mais rigor ao explorar uma região com grande fluxo de golfinhos e baleias, buscando respeitá-los.

O filósofo Thomas White comentou: “A evidência científica agora é forte o suficiente para apoiar a alegação de que os golfinhos são como os seres humanos, auto-conhecedores, seres inteligentes, com emoções e personalidades. Assim, os golfinhos devem ser considerados como pessoas não-humanas, sendo valorizados como indivíduos. Do ponto de vista ético, as lesões, mortes e cativeiro é algo errado”.

O projeto de lei afirma que todos os membros da ordem dos cetáceos – baleias, golfinhos e botos – tem o direito à vida. Ele também diz que ninguém tem o direito de possuir uma criatura dessas ou fazer coisas que agridam seus direitos, liberdade e normas.

Quando a comparação é tomada pelo cérebro, os golfinhos possuem o segundo maior cérebro do reino animal comparado com seu peso corporal, ficando atrás apenas dos seres humanos. A conferência provou que os golfinhos são autoconscientes, podendo se reconhecer ao olhar no espelho.

1 – Quando dada a oportunidade, os golfinhos assistem TV e seguem as instruções apresentadas na tela.

2 – Os golfinhos podem ser ensinados a entender as palavras humanas, frases e demandas.

3 – Como os seres humanos, os golfinhos são altruístas e há exemplos que mostram que eles ajudam banhistas que foram atacados por tubarões.

4 – Eles usam linguagem corporal. Pular, saltando fora da água e desembarcando ao lado de outro golfinho, significa “eu quero ir agora!”.

5 – Eles têm sotaques regionais. Um apito dado por um golfinho do País de Gales é completamente diferente de outro que vive na costa da Irlanda.

6 – Eles têm uma forma de diabetes quando adultos, mas eles são capazes de “ligar ou desligar” a doença. Aprender como esse processo funciona poderia ser a chave para a cura em nós humanos.

7 – Os machos atraem as fêmeas apresentando buquês de plantas daninhas, pedaços de madeira e detritos marinhos, como uma forma de cortejar.









terça-feira, 19 de novembro de 2013

EBA! FOFA (ou Branca) voltou ao seu lar


No início da semana passada assumi esta linda menina do maravilhoso cartaz que a sempre prestativa Andréia Cavalhieri, fez. batizei de FOFA. Ela foi para a  ho$pedagem e a levei para tosar. Depois seria vacinada e castrada. No decorrer da semana me procuraram pelo Facebook, nosso aliado nas divulgações dos animais resgatados etc., e descobri que ela tinha donos. Eles me ligaram e descobri que a Fofa havia sido resgatada  pela protetora Lia Beche Beche, adotada por uma família do bairro Jardim Atlântico e, claro, fugido. Sorte dela e deles  que a encontraram, via Roseane Mangrich.
Lia me informou que ela já estava vacinada e castrada. Menos mal. Assim, deixei a decisão de devolver ou não para a família nas mãos dela, o que foi feito, hoje. Vieram buscá-la e trouxeram uma coleira, onde escrevi o meu telefone e o dos donos. A família teve sorte desta vez. Ela foi resgatada e salva. Esperamos que, daqui para frente cuidem mais na hora de abrir e fechar os portões. Sempre aconselho a quem tem animais, manter o acesso à casa cadeado/trancado. Há pessoas que abrem os portões e não cuidam, por isso há tantos cartazes de animais PERDIDOS, diariamente. Animais adotados podem ter hábitos que não conhecemos e todo cuidado é pouco. Seu nome,  na verdade, é Branca. Ela ficou muito feliz ao ver sua dona e foi para casa, toda faceira, de coleira rosa choque, com 2 telefones escritos, e cheia de recomendações. Como a família gosta muito dela, acredito que isso não voltará a acontecer. O nome pode ser Branca mas ela é, de fato, uma fofa!!!! Abaixo fotos dela, umas que a querida Jussara S. Medeiros bateu, e outras com a sua família, onde está desde junho/13, do álbum deles do FB. Confiram. 


 


Em tempo: A família arcou com os custos da hospedagem e banho.
Seja feliz e fique segura, Fofa!


sábado, 16 de novembro de 2013

Filhotes para adoção na Grande Florianópolis/SC

Me mandaram tantos cartazes de filhotes ontem que, antes de colocar no álbum, resolvi mostrá-los aqui. Não entendo COMO  ainda deixam nascer mais. Por que? Com tantos precisando de um lar...ADOTE? ESPERO que sejam castrados! Lar de apoio/temporário também seria bacana!














E a Vitória, abaixo,  precisa de um ANJO que possa cuidar dela ou ajudar a manter o tratamento.


sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Adote um gatinho! Evento de fim de ano...

Que coisa mais linda para um feriado!
 Aqui no BLOG tem um link só com telefones de algumas "gateiras" da ilha:
TODOS são entregues castrados e levados na sua casa!
Isso é importantes para evitar que sejam usados para rituais macabros.
Ainda tem gente ignorante no mundo que ACHA que algum bem pode advir de oferecer uma vida = o lógico seria oferecer um dedo próprio não é mesmo? 
Fica a dica pra quem acredita! 
Bom dia de vento e sol em Floripa.

Falando em gatinhos, a protetora Tília Fernanda está fazendo um EVENTO de fim de ano, no dia 8 de dezembro. Salva aí? Uma boa oportunidade de comprar presentes para o Natal e ainda ajudar os felinos da República dos vira latas! Aproveite!




terça-feira, 12 de novembro de 2013

Grande ideia para os pássaros de zona urbana!

Birdhouse_3
Pensando em encontrar uma solução para a população de aves urbanas, o designer holandês Klaas Kuiken criou uma casa estruturada para ser colocada no telhado da sua casa e aproximar o contato com estes bichinhos. 
Muitas vezes os pássaros criam áreas de nidificação nos telhados das casas. Levando isto em consideração, Klaas utilizou a matéria prima padrão das telhas e criou o projeto Birdhouse Rooftile feito para ser anexado nos telhados das casas.
Birdhouse
Acessada por uma pequena abertura, estas casinhas oferecem um refúgio seguro oferecendo boa ventilação e proteção contra animais domésticos, como os gatos.
Birdhouse_4
O casebre é constituído de uma chapa de madeira moldada com uma tela que protege o contato direto dos pássaros com o telhado. Ou seja, não há nenhum risco dos filhotes caírem das alturas e quando chove, eles continuam protegidos de uma possível inundação. Além disso, são produzidos com materiais especiais que também protegem de uma possível elevação de temperatura.
Birdhouse Rooftile é produzidos pela Dijkstra Keliwaren em Sneek – Holanda, e depois de muita expectativa, já está disponível para encomenda.
Fonte: Hypeness

domingo, 10 de novembro de 2013

Duas protetoras e 31 cães, a menos no mundo ...


Estou abaladíssima e muito, muito triste, com a morte de duas  protetoras, esta semana. 
A americana Sandy Lertzman que (imagino o desespero) se suicidou e  levou junto  seus 31 cães e uma brasileira, a jovem Julia Colle, uma das ativistas do caso Instituto Royal, cuja morte está sob investigação e há dúvidas quanto a causa mortis. Ela divulgava suas ações na página do Facebook
Ambas farão muita falta no mundo. Os 31 cães estão brincando
 felizes no céu, assim espero.
Não é nada fácil lidar diariamente com a ignorância e maldade 
de alguns seres humanos.
Desejo que descansem em paz e que essas mortes não sejam em vão.
A homenagem abaixo não tem os créditos, quem souber, me avise? Obrigada
 

sábado, 9 de novembro de 2013

Domingo é dia...

De reunir a família e passear



Se não,  é ficar no tédio, 
esperando que todos voltem logo...