quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Sobre página e perfil Fica Cãomigo no Facebook

Hoje bateu uma canseira imensa. Não sei se foi por assumir mais uma anjinha...(?) Mesmo ela tendo uma madrinha (anônima) para 2 meses de ho$pedagem  e esteja castrada, não está nada fácil doar BEM um cão. Pior ainda, são as constantes  devoluções. Isso acaba com a gente. E os perdidos, então?  Todos os dias,  dezenas... Tá difícil pra mim, daí que dei um tempo do Facebook. Mantenho minha conta, talvez eu volte,  mas não to aguentando tanta gente que não lê absolutamente nada e tanta gente folgada! Para ajudar os animais domésticos, efetivamente, só castrando e evitando mais crias! Não tem MESMO lares para tantos, não bons, muita gente ainda acorrentando - isso não é vida!  As denúncias de maus tratos só crescem e nada das autoridades criarem delegacias específicas...
Enfim,  desacreditada como ando, melhor me afastar um pouco e reequilibrar as energias, para poder ajudar de novo mas, para isso,  preciso doar uns 3, ao menos, e meu Neminho melhorar de saúde... um dia ainda vou escrever sobre o calvário do meu cachorrinho, que tem sarna demodécica, hipotiroidismo,  atopia e sofre um monte, pobrezinho...

4 comentários:

  1. Enquanto suspiramos por uma vida sem dificuldades, devemos nos lembrar que o carvalho cresce forte através de ventos contrários e que os diamantes são formados sob pressão.~

    força amiga!

    Raquel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo carinho Raquel...é que meu filhão Nemo está muito dodói mesmo e tô bem chateada. Coisas da vida mas as vezes pesa muito. Beijux

      Excluir
  2. Infelizmente não posso ajudar como gostaria. Moro com minha mãe e ela não permite que eu traga cachorros para ser um lar de apoio, pois já cuido de uma. Ganho muito pouco, e não posso pagar hospedagem. Sofro muito quando vejo os cachorros na rua abandonados, e como tem... Toda noite meu coração dói ao pensar que muitos estão na rua com frio, fome, sem abrigo. Dói mais ao lembrar daqueles que vejo todos os dias, quando faço meu trajeto para ir ao trabalho. Sei que é pouco, mais no momento o que posso fazer é levar água e comida dentro do carro e parar para alimentá-los e dar um pouco de carinho. Alguns fogem de mim por medo, e penso o quanto sofrem na rua.. dói, e muito.
    Mas no futuro próximo ainda vou fazer mais, muito mais por esses anjinhos que amamos tanto. Me inspiro em você, e desejo ajudar como você ajuda.

    Força!! Você vai superar isso... eles merecem!!

    Desculpe o desabafo. É que acompanho seu blog e facebook todos os dias, e para você ter feito isso, é que deve estar desesperador.

    Beijos. Juliana Leal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Juliana, pouco ou muito...isso não se mede. cada um faz o que quer, qdo quer e como pode. Somos voluntárias :)
      E tem algumas fases que precisamos cuidar de nós para poder cuidar deles, né? Nem todo mundo tem tempo, ou dinheiro, mas falta de boa vontade me deixa muito triste e os constantes maus tratos tbém...e as devoluções? É muito triste.
      De qualquer modo é só um tempo que estou precisando. Sigo com o BLOG.
      Não posso deixar de divulgar os candidatos à adoção né? Não seria justo!
      Obrigada de verdade pelo carinho e parabéns pelo que vc faz!
      Acredite, é muito, vc é especial!!! Beijux!

      Excluir

Bem vindo (a) ao sistema de comentários do Blog Ficacãomigo.
Todo e qualquer texto publicado é de exclusiva e integral responsabilidade de quem o fez, uma vez que publicamos textos de terceiros, cuja fonte sempre é citada. Os de autoria da proprietária do BLOG não contém fonte. Em caso de abuso ou crime, reservamo-nos o direito de usar os dados disponíveis no servidor para rastrear. a autoria e acionar os meios legais competentes.