sábado, 8 de junho de 2013

Uma tese... anjos e homens

Escrevi no final do último post uma frase que exprime o que eu penso:

Acredito que animais domésticos convivam entre humanos para auxiliar numa seleção que torne possível a justiça divina.

Hoje sinto que preciso discorrer sobre isso. Certamente alguém também pensa como eu. Sei que não estou sendo exclusiva pois há uma sincronicidade no mundo. Talvez eu até ja tenha lido algo semelhante mas enfim, vamos lá. Diante das barbáries desta semana como atores e ícones da mídia rindo de cenas confessas de ZOOFILIA (qualquer ato sexual mantido sem o consentimento de ambas as partes é ESTUPRO); parte da população de uma cidadezinha do Pará sair caçando cães para matá-los de uma forma desumana e cruel (de fome, a pauladas ou afogados); o mesmo estado que, de tão miserável, várias matérias televisivas mostram a prostituição infantil existente por lá; pessoas dançando em cima de um cavalo deitado; um prefeito que, por LEI, deveria zelar pelo bem estar dos animais do seu município, oferecendo dinheiro público - mesmo que fosse dele ainda é horrível - para saírem arrebanhando cães para exterminá-los...
                                           O dito cujo esta sendo chamado de HITLER canino, 
não sem razão. Que mundo é esse? Essa pergunta ecoa, grita, sempre que me deparo com cenas como estas. Tento explicações para o inexplicável e concluo que só pode ser um teste de almas! Só pode. As diferenças entre humanos são imensas e gritantes. Tive ainda o desprazer de ler isso de um indivíduo, embaixo de uma foto chocante,  a antiga frase: "tem gente morrendo nos hospitais..."  como se isso JUSTIFICASSE crueldade e atos bárbaros. Por que faltam leitos e crianças morrem tenho que aceitar outros crimes? Uma coisa não invalida a outra, de maneira nenhuma. São faces da mesma reivindicação: JUSTIÇA, igualdade e humanidade!
O que  explica a escassez de leitos em hospitais e o "tudo por dinheiro" que se viu em Marajó é a má distribuição de renda, o sucateamento da educação aliados à  corrupção que, no Brasil, é apartidária e vem de MUITO TEMPO!  Mas mesmo assim, nada disso EXPLICA A MALDADE! Por isso penso que estamos diante das escolhas que algumas religiões pregam (acredito nos princípios da maioria mas nas pregações de nenhuma uma vez que a maioria está a serviço da manutenção do status quo, acomodando os indivíduos a uma vida de escassez e provações injustas). 
A máxima em termos de religião, para mim, é a seguinte: "Não faça aos outros o que não gostaria que fizessem à você" - este é o preceito básico de todas, que eu aceito e acredito que deva ser respeitado - os outros incluem os  animais chamados irracionais -  sobre essa "irracionalidade" tenho sérias dúvidas. 
Acredito no seguinte:
Que aos animais domesticados, a quem foi dada a "tarefa" (tarefa sim pois os privilégios são para uma minoria. Antes continuassem livres, sabendo se virar... Até isso os homens roubaram deles!) de conviver intensamente com seres humanos, estão a serviço de um SER ou Seres mais evoluídos (Deuses, Deusas, Anjos, ETs, etc) para fazer uma seleção humana. TEM QUE SER! ...  É inegável a enorme distância de valores que uns humanos tem em relação a outros e, embora a condição sócio econômica as vezes facilite a nobreza de sentimentos (quem nunca passou fome não tem porque roubar, em tese),  ela não explica crueldades, corrupção, pedofilia, zoofilia, testes em animais, vivissecção, uso de peles, nossa alimentação carregada de sofrimento (ja me livrei desse "carma"), sumissão de animais para divertimento humano - zoologicos, circos, charretes, rinhas, exibições com animais,  e por ai vai...
Por favor, assinem as petições abaixo? 
Depois confirmem a assinatura.É como podemos ajudar, de tão longe:

A verdade é que só o conhecimento liberta de fato os homens mas, as vezes, nem ele - Aí é que os seres se dividem em sub grupos e aí entra minha "seleção". A maneira como você se relaciona com o mundo, com humanos também - não raro vejo pessoas que odeiam crueldade se expressarem assim: 
espero que ele sofra o mesmo!, ou - Não gosto de gente, só de bicho... acredite, uma pessoa assim, não gosta de ninguém MESMO, nem de você, usa as pessoas,  é fria e incapaz de amar! Me soa estranho ler ou ouvir isso. Você ama animais e não suporta seus companheiros? ...muito estranho! Enfim, eis em que acredito. Aceito implementações para esta  tese embora torça para que seja verdadeira.

Acredito que animais domésticos convivam entre humanos para uma espécie de seleção entre os homens para que seja possível que se faça a justiça divina. No fim das contas é verdadeira a frase  anjos com asas nas orelhas. E uma pena mas o mundo realmente está precisando de uma "limpa".

Para registro, algumas FOTOS que resumem a semana. Me recuso a mostrar a foto da infeliz dançando funk em cima de um cavalo pois isso é justo o que um tipinho desses quer...Embora meu BLOG não tenha tanto acesso assim, ele existe,  também,  para que eu possa registrar o que eu penso e sinto. Todas as imagens abaixo fui salvando do Facebook durante a semana.  Triste. Muito triste tudo isso...Espero que o povo brasileiro não aceite a impunidade mais uma vez e que se faça justiça ,além da justiça divina.
































Falando sobre pessoas, assistam esta matéria  e tirem suas conclusões:
http://www.anda.jor.br/05/07/2010/a-atriz-adriana-birolli-relata-as-gargalhadas-como-torturou-e-matou-animais-durante-atividade-do-escotismo

Por outro lado, há os evoluídos...por que será que tem tantos acessos? :) 
http://www.youtube.com/watch?v=8WBMhndyJ-w