quinta-feira, 17 de maio de 2012

Casos que precisam de ajuda URGENTE no CCZ de Floripa

Qualquer abrigo ou CCZ, por melhor que seja, não é local para animais pequenos, frágeis e/ou doentes. A disputa por território acontece com frequência e, muitas vezes, os menores não têm nem chances de escapar. Isso é uma realidade e faz parte do cotidiano de quem tem vários cães. Dependendo do cão, se não separar, corremos risco de levar mordidas ou ve-los brigar até a morte, pois uma dentada pode ser fatal. Quem resgata muitos, ou tem vários, sabe bem do que estou falando, por isso peço ajuda para resgate desses anjos que foram retirados de extremo maus tratos mas que precisam da nossa força! 
Divulguem, por favor,  para que eles tenham chance de um pouco de dignidade nas suas vidas tão sofridas?  Obrigada.
Recebi o apelo, por email, da Fabiana Bast, coordenadora do Projeto Cão Terapia. Eles logo terão fotos melhores. Já  foram vermifugados e levados para banho e tosa. Desculpem pela imagem da poodle...

- BELINHA - poodle fêmea velhinha e pequena (foi pra banho e tosa hoje e ficou branquinha!)

COCKER - fêmea também mais velha, muito tranquila

- PETIT - pinscher bem pequeno (2 ou 3 kg), machinho bonzinho
Interessados em ajudar, dando lar de apoio ou adotando, devem 
ir na DIBEA (CCZ) falar com  Graça ou Dalva (9h-17h30).
 Telefones no cartaz abaixo.

Ressalto que, de maneira geral, estes cães costumam ser calmos e obedientes pois levaram, até então, uma vida em corrente e desgraçada...não tenho termo melhor.
ESTERILIZEM seus animais!!!
O mundo aqui fora não está nada fácil para eles